terça-feira, 29 de maio de 2012

Neiva e pluma...

 Finalmente , e ao fim de quase 15 dias em casa o final de tarde parecia bom para tentar umas moscas...
A quase 3 meses fui a este local experimentar a minha nova cana de pluma , confesso não gostei muito, hoje lá ganhei coragem e que tal uma horita , a ver ia em que dava....
quando me fiz a água  deveriam ser 19 horas, pouca actividade mas muitos insectos....
 Depois de pescar todo o baixio , estava na hora de subir até perto da represa ....
Ai dois únicos ataques foram o quanto basta para mim estava mais que satisfeito, duas belas trutas em 7 minutos , fantástico!!!!


 20 horas , estava na hora , e eu já satisfeito...

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Barbos e crankbaits

 O dia estava propicio a uma boa pescaria a truta mas a falta de vontade e hora já tardia , levaram-me
a pescar achigã , ou pelo menos tentar  , aproveitando para visitar umas lagoas que deixei de pescar já a mais de um ano , já no local a surpresa não tardou muita agua e terreno perigoso , meia dúzia de lances e eis que um verdinho com pouco mais de palmo teimava em ferrar o FROG sem boca para ele , entre artificiais la vai o popper e lá vem o verdinho , não quis ser fotografado ....
Aproveitei a viagem para ver também um ribeiro manhoso de boas trutas e bom porte , ainda não foi desta que o pesquei ....
Estava na hora de visitar outra lagoa , mas e mas , a meio de caminho ups o rio Cávado estava com pouca agua , resolvi tentar alguma marisca ou até mesmo uma lucioperca , nada se mexeu ou melhor nada se mexia até que resolvi tentar o crankbait da hart já meu conhecido e com bons resultados mas em tão avermelhado , como a dias comprei este da foto vamos ver qual o resultado e assim foi não se fez tardar , a actividade destes pesos pesados era muita a superfície , até que zás que será !!! que é isto!!! porra e porra!!! lá bem o bicho e quem pesca barbos sabe que não é necessário serem grandes pois a força que fazem e muita .....
para mais de 1,5kls , fotografia e devolução ... resta dizer que neste local por esta altura são as centenas a tentar transpor a forte corrente da açude ....

sábado, 19 de maio de 2012

Teste ao pato

 Antes de mais muitíssimo obrigado SR Artur Oliveira , por me ter dado a possibilidade de experimentar a pesca  de pato , como já era sabido entre amigos ando a ponderar a compra deste brinquedo para pescar bass ...
Mais uma vez o muito obrigado.
 Depois de agendada a pescaria e o local de encontro fiz me a estrada 2horas de viagem e quase 200km para cada lado , mas pela esperiencia valeria certamente a pena...
Assim foi 7 horas no locar e ainda alguns mais kms para fazer até ao local da aula!!!
Conversa e mais conversa estávamos no pesqueiro , uma pequena bem grande lagoa !!!
Preparar dar ar calçar as barbatanas e xok xok, estava ele dentro de agua " já encalhado nem para trás nem para a frente !!!!! e e e e ee e !!! o meu amigo lá me deu uns indicações e toca a mexer as pernas ... Já só estava a faltar o verdinho da praxe...
Eis que 20 minutos depois lá estava ele o primeiro palnote ...


 A manha ia a meio tinha realizado 4 pequenas capturas que refiro não era o mais importante , importante sim era testar o pato , ver se vale a pena investir , pois ainda custa um dinheirinho para comprar e ter guardado ....
Não efectivamente  tenho mesmo que comprar e com toda a certeza não vai ser para ficar guardado , antes pelo contrario a ver se ainda vai este ano pescar a Leverinho rio Douro...
Pena no período da tarde o nosso amigo vento não nos favorecer pois é de veras complicado pescar com vento , difícil manter a estabilidade para não dizer impossível...

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Achigãs em fim de defeso

 Na passada 2 feira uma mini jornaada de pesca ao bass em em fim de defeso...
Depois de alguns meses de ausência de pesca neste local por nossa parte resolvemos fazer uma visita ...
Nada mal perto de uma dezena de achigãs capturados para cada um sendo que as minhas capturas foram todas realizadas com a família Popper , desta vez com um da marca "STORM" provocando ataques violentos e bastantes falhados....
 Refiro também que neste local os alevins já eclodiram fazendo-se acompanhar pelo progenitor e aos milhares de irmãos  , refiro também que não se mostravam interessados em qualquer que fosse a amostra ...
pelo menos na avaliação que faço das capturas realizadas andavam em grupos 3,4 a 5 elementos de medio porte a patrulhar a zona....
 Nesta margem é melhor não comentar !!! LEVEI TAREIA nem uma captura , não amigo!??
Já depois de almoço resolvi visitar o local dos grandes luciopercas , e finalmente vi e fotografei este alburno, lindo bem mantido parecia uma sardinha...!!!
 Já esta manha de 4 feira muito calor e no local onde o raio dos bass nunca pegaram com lagostim eis que hoje realiso 2 boas capturas , pena foi ao tentar mudar o monstrito de mão ainda com o anzol cravado não é que o raio cai ao chão descrava e vai parar dentro de agua novamente!!!
Coisas da pesca valeu o esforço....
 A arma do crime de 2 feira!!!

sábado, 12 de maio de 2012

Luciopercas de peso

 Assim tenho que caracterial estas 2 de 3 capturas realizadas por dois eis colegas de trabalha na passada 4 feira  " a noite "com um intervalo de 15 minutos a primeira com 6 poderosos kls e o monstro a baixo com 8,5 kls , digo 2 de 3 pois o meu amigo " ted " foto abaixo no dia anterior tinha no mesmo local capturado um com 7,5kls....
Estamos a falar de pesca no rio Cávado e com um caudal bem acima do normal devido as fortes chuvas ...
Também é de referir que os artificiais " chinoca !!" funcionaram bem, nada de isco vivo.
Nos últimos anos ,  monstros deste gabarito vão aparecendo com maior ou menor frequência
tendo muitos deles pelo menos nos registos que tenho de capturas realizadas por mim, em comum os meses
entre abril e maio com toda a certeza época de reprodução , "muitas ovas"...  
Perante este cenário, e tendo em conta o decréscimo de outras espécies ,não estaria mais que na hora de serem alteradas algumas leis da pesca desportiva !!?
É CLARO :
permissão para pescar a noite em agua doce , tendo em conta que se tem vindo a verificar que estes monstros andam mais activos nesse período, quanto mais não fosse só mente para tentar parar esta proliferação ....
Sim é bem mais fácil não fazer nada e um destes dias " vamos lá incomodar os pescadores que estão a infringir a lei "....
De resto e na parte que me toca parece que isto de sorte de principiante não toca a todos ,
ainda me recordo no primeiro monstrito  que capturei a uns 8 anos e me perguntava que raio de peixe é este !!!  bom tempo muitos barbos , muitas bogas alguns escalos , algumas trutas e pequenas "pescadinhas "!!! assim caracterizava eu esta praga , atendendo a frequência que elas saiam e pela sua aparência....
Hoje a realidade já é bem outra , escalos nada , bogas poucas barbos alguns e nesses alguns parece que foram mordidos por cães , trutas uma ou outra , isto para já não falar do nosso amigo achigã que tem vindo a diminuir mas neste caso a explicação poderá ser outra muito alburno para se alimentar como tal capturas mais difíceis....
Parabéns amigos e muito obrigado por me autorizarem o uso das fotos    

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Dia de chuva ,ou de trutas

 Na passada 2 feira o plano de pesca era rio Vez , mas como nem tudo é como a gente quer ,tive de optar por terrenos mais próximos ,atendendo a hora a que iria começar a pescar ....
como tal uma visita ao Neiva entre moinhos da minha antiga paroquia " PANQUE"!!  seria o mais sensato,
apesar de não velar para o terreno grandes expectativas muito menos grandes ilusões no que toca a capturar um bom exemplar.... havia sempre lugar para uma pequena expectativa...
Assim foi , e nas 6 horas que se seguirão a pequena expectativa causada pelos 30cm de agua a mais revela rance fantasticos  , ao primeiro lance uma bela truta entra a amostra com uma picada violenta mas não fica ferrada , bom a coisa prometia nos 3 lances seguintes tiro duas trutas da agua e descravam quase nas minhas mãos , magnifico  a coisa prometia mesmo , tudo em menos de um minuto e no mesmo local...
 Prossegui, 100 metros para jusante para tentar fazer a saída de um canal que corre a montanha  mas nada a fazer estava intransponível da margem que eu queria ... voltado novamente para montante haviam muitas horas pela frente ainda ....



 Todas as capturas acabaram por ser realizadas com a pequena mepps n 1 prata , mas confesso a concorrência  Itália com a qual comecei a pescar vai valer a pena ....
Moral da historia  :
7 capturas
14 trutas perdidas fora de agua !" talvez o preço de não pescar com barbela!"
31 o total de trutas que ferraram a pequena mepps...